sábado, 15 de maio de 2010

Propaganda Eleitoral


A maior preocupação de todos os partidos políticos é a propaganda eleitoral, as alianças estão sendo costuradas com a intenção de aumentar o tempo destinado aos candidatos nos programas de rádio e tv.
O PSDB responsável pela ação que resultou na multa contra Dilma Rousseff deve tomar cuidado, está negociando com os partidos aliados DEM e PPS para veicularem propaganda com roteiro similar. O conteúdo a ser exibido obviamente voltado para o (pré) candidato José Serra.
Numa passagem bíblica Jesus fala “Quem não tiver pecado, atire a primeira pedra” (Jo 8:7), todos sabem que campanhas de marketing não surgem da noite para o dia, e que provavelmente esta vem sido pensada há muito tempo.
Fico me perguntando se as discussões de como a imagem do (pré) candidato deveria ser veiculada na mídia não vinha sendo desenvolvida antes da ação contra a propaganda da adversária.
É necessário essa guerra em meio aos Tribunais Eleitorais, candidatos não devem ser eleitos com base nos seus programas de governo, e vamos ter que presenciar essas batalhas judiciais até o fim das eleições.
O período de campanha foi estabelecido com base na decisão conjunta entre todos os partidos, e os próprios representantes deles vivem na tentativa de chegar ao poder, ou se manter, usando todos os artifícios para burlar a legislação.
E o eleitor, o que esperar de um candidato se ele não respeita as leis durante a campanha, será que eleito se manterá ileso de outras artimanhas do poder.
Não tão distante o (pré) candidato ao governo do Paraná Osmar Dias declarou ser inviável manter sua candidatura sem as alianças com outros partidos, o problema é que sua maior preocupação não é com a governabilidade que um governo multipartidário pode gerar, e sim construir um tempo expressivo de propaganda eleitoral sem aliados.
Além da TV e do Rádio outro veículo de comunicação que promete ser uma das armas dos candidatos e a Internet, agências de publicidade, marqueteiros, assessores, jornalistas, é quase uma equipe multidisciplinar encarregada de propagar a imagem dos políticos na rede.
Posso estar sendo repetitiva, mas e os programas de governo, eles ficam por trás de roupas, estética, discursos ensaiados, gestos coreografados.
O eleitor tem que ficar de olho nos candidatos para observar se os planos de governo estarão lá, mocinho e mocinha não, personagens as novelas já tem aos montes.
Nós já estamos de olho.

3 comentários:

Marco Sobreira disse...

A multa é tão irrisória que estimula aos outros candidatos que façam o mesmo. Custo/benefício.

Agner disse...

Quando um vereador, prefeito, Governador ou Presidente inaugura qualquer coisa e divulga nos meios de comunicação.

é ou não é propaganda ????

eu tenho certeza que é ... e todos fazem isso no sue mandato de 4 anos, rusumindo, estão sempre fazendo propaganda !!!

agora se fala de propaganda antecipada .. q piada ... o q foi feito a 1,2 ou 3 anos atrás é o q???

LF Cardoso disse...

Muito bom... segue firme com as postagens. O layout também está bacana.

Postar um comentário